LELINO PONTES (Robótica Educacional)


Este blog é destinado a todas as pessoas que gostam de Robótica e profissionais de educação que queiram aprender a fazer projetos educacionais usando robôs, ou seja,  aprender a fazer um projeto de Robótica Educacional (RE). Também praticamos a robótica social que é o foco principal do nosso projeto e estamos sempre a espera de sua ajuda para manter este projeto funcionando.

This blog is intended for those people who like robotics and education professionals who want to learn how to make projects using educational robots, or learn how to make a project of Educational Robotics (ER). Also practice the social robotics that is the main focus of our project and we are always waiting for your help to keep this project going.

Este blog está destinado a aquellas personas que les gusta la robótica y profesionales de la educación que quieren aprender a hacer proyectos que utilizan robots educativos, o aprender a hacer un proyecto de Robótica Educativa (ER). También la práctica de la robótica social, que es el foco principal de nuestro proyecto y siempre estamos esperando tu ayuda para que este proyecto siga adelante.

OBS: Neste blog nunca mais constará postagens relativas aos kits de robótica da LEGO, devido a forma desonesta como as competições são tratadas aqui no Brasil, onde a organização da competição e esta empresa MOSTRAM A FALTA DE COMPROMISSO COM A EDUCAÇÃO E COM A ÉTICA.

NOTE: this blog will never consist posts concerning the LEGO robotics kits, because the dishonest way the competitions are treated here in Brazil, where the organization of the competition and this company SHOWS A LACK OF COMMITMENT TO EDUCATION AND WITH ETHICS .

Para maiores informações e contatos:

E-mail: proflelinorobotica@gmail.com

anti-obr

IA


A história da inteligência artificial [vídeo]

(Aula 6) Atividades Práticas de Eletricidade — GND Robotica Educacional e Automação


Para entendermos a aula 6, é necessário compreender as aulas dos seguintes links: Aula 1 (Entendendo a Eletricidade) Aula 2 (Eletricidade) Atividade proposta 1: Acendendo um led com uma bateria Tal prática necessita de: bateria; Resistor; Led; Jumpers ou fios. A ideia é acender um led utilizando uma bateria. O circuito é montado da seguinte […]

via (Aula 6) Atividades Práticas de Eletricidade — GND Robotica Educacional e Automação

EMPREGO x ROBÓTICA


Empregos do futuro: como a tecnologia vai mudar o mercado de trabalho

Pesquisadores criam “mãe-robô” capaz de construir gerações de robôs menores que “evol uem”


Fonte: Pesquisadores criam “mãe-robô” capaz de construir gerações de robôs menores que “evol uem”

Resenha: Eu, Robô


Fonte: Resenha: Eu, Robô

Wittmann Battenfeld apresenta novo alimentador de materiais ao mercado brasileiro


Fonte: Wittmann Battenfeld apresenta novo alimentador de materiais ao mercado brasileiro

CASA INTELIGENTE


Fonte: CASA INTELIGENTE

Computadores melhores que humanos?


ImageEste post é sobre um assunto que aqui no Brasil ainda não se fala mas talvez logo mais comece a entrar em pauta que a preocupação sobre a robotização e computação da mão de obra e como esta mudando os empregos neste século, no livro “The Future” Al Gore já mostra como essa é uma tendência crescente no mundo atual junto com a terceirização do trabalho que pagam salários mais baixos.

Anexo segue um estudo feito por Frank Levy, professor emérito do MIT e professor da Harvard Medical School e Richard Murname é professor de Educação e Sociedade em Harvard, o estudo mergulha em um aspecto sobre a prosperidade da classe média como educação, aposentadoria e sucesso.

Como assegurar ao americano da classe média prosperidade e sucesso individual numa era de globalização intensa e crescimento tecnológico? Em Dancing with Robots eles fazem um convincente caso de como os trabalhos da…

Ver o post original 627 mais palavras

Robótica com aplicação na medicina.


Binary Numbers - 0¹

Binary Number- Tecnologia

Robótica com aplicação na medicina.

Nikolas Magno Braga Leite1

1DCET- Departamento de Ciências Exatas e Tecnológicas UNI-BH. Graduando no curso de Ciência da Computação UNI-BH, Centro Universitário de Belo Horizonte.

nyoredfox_slipknot_4ever@hotmail.com.

Resumo. Este artigo tem por meta apresentar uma das diversas aplicações da robótica, cujo campo é bastante abrangente. Uma destas aplicações é na área da medicina, auxiliando nos procedimentos de diversos tipos de cirurgias. Neste artigo abordaremos, de forma simplificada, a aplicação da robótica no campo das cirurgias ( ex:cardiovasculares).

Palavras chaves: Robótica, Medicina, Cirurgia, Benefício.

Abstract. This article has for goal to present one of the diverse applications of the robotics, whose field is sufficiently including. One of these applications is in the area of the medicine, assisting in the procedures of diverse types of surgeries. In this article we will approach, of simplified form, the application of the robotics in the field of the surgeries.

Ver o post original 1.034 mais palavras

Robô “pedreiro” instala tijolos e constrói casas em dois dias


Santa Tecnologia

Karen Carneti de INFO Online
.
Robô Hadrian

.

Os robôs já conseguem fazer muitas coisas que um humano faz, incluindo testar a agilidade de um sistema operacional e até mesmo repetir movimentos de samurais. Alguns deles, porém, já superaram o homem, como é o caso do chamado Hadrian, que consegue instalar os tijolos necessários para a construção de uma casa em apenas dois dias.

O robô consegue trabalhar 20 vezes mais rápido do que um humano na tarefa. Sua velocidade máxima é de mil tijolos por hora, o que significa que ele consegue construir até 150 casas por ano.

Para conseguir realizar seu trabalho, Hadrian possui um telescópio articulado de 28 metros em seu interior. Para colocar os tijolos corretamente, ele utiliza um desenho assistido por computador em 3D com a representação da casa. Argamassa ou adesivo podem ser usados na ponta de sua estrutura.

A fabricante responsável pelo robô, Fastbrick Robotics…

Ver o post original 143 mais palavras

EUA desafiam Japão para luta de robôs gigantes!


Vivendo no Século 21

Sabe aquelas lutas de robô em que umas maquininhas se despedaçam? Geralmente é coisa de estudantes de engenharia ou algo semelhante, meio como um hobby ou atividade paralela para afiar as habilidades em construir algo. Bem, esqueça isso tudo. A luta de robôs se prepara para sair da categoria juvenil e passar a ser um espetáculo de insanidade e destruição medida em toneladas.

Uma empresa americana chamada MegaBots (não confundir com MedaBots) construiu um autômato chamado de Mark II, que mede 4,5 metros de altura e pesa 6 toneladas. também tem a a habilidade de se deslocar, levantar, girar o torso e movimentar braços, ou seja o essencial para lutar de forma colossal. E é isso que a MegaBots quer e lançou um desafio para o concorrente japonês Suidobashi, que fabrica os robôs Kurata, que são mais um projeto artístico (!) de dar vida a robôs gigantes como aqueles dos desenhos japoneses. O desafiado…

Ver o post original 156 mais palavras

BRAÇO ROBÔ POR DENTRO


Estudante brasileiro é destaque em pesquisa sobre robótica nos EUA


O aluno brasileiro de Automação Industrial, Mairon Figueiredo Marques, recebeu um convite do pesquisador Hugh A. Bruck, da Universidade de Maryland, perto de Washington, nos Estados Unidos, para fazer parte do seu grupo de pesquisas sobre robótica. O estudante está de intercambio nos EUA desde o começo deste ano, pelo programa Ciência sem Fronteiras.

Fonte: clique aqui

Fã reproduz BB-8, de Star Wars, com robô esférico e ímãs


Quem vê não diz!


Clique Start

Robôs minúsculos que podem puxar objetos de até 2.000 vezes seu próprio peso foram desenvolvidos na Universidade de Stanford. Os robôs miniaturizados – MicroTugs dublados – tem potência equivalente a um ser humano arrastando uma baleia azul, de acordo com o site detalhando o desenvolvimento .Os cientistas por trás das MicroTugs tomou inspiração da natureza, técnicas utilizadas por lagartixas e formigas na sua concepção empréstimos.

Mini Robô

Os robôs podem ser utilizados em fábricas ou em locais de construção. A equipe da Universidade de Stanford, incluindo estudantes de doutoramento David Christensen e Elliot Hawkes, demonstraram uma robô 9g que pode transportar mais de 1 kg verticalmente acima do vidro. Isto é equivalente a um ser humano que escala um arranha-céus enquanto carregava um elefante.

Outro – que pesa apenas 20mg, mas pode transportar 500 mg, foi tão pequena que tinha que ser construído sob um microscópio, usando uma pinça para colocar as peças juntas. O…

Ver o post original 255 mais palavras

Desenvolvimento de um Braço Mecânico


Projetos Departamento de Mecânica

Um braço mecânico é um dispositivo, ou grupo de dispositivos, eletromecânicos capazes de realizar trabalhos de maneira autônoma ou pré-programada. Os braços mecânicos são comumente utilizados na realização de tarefas para movimentação de cargas e peça. Os braços mecânicos utilizados nas linhas de produção são a forma mais comum de robôs. A aplicação desse projeto propôs o desenvolvimento de um protótipo que simule um equipamento para carregamento de cargas em embarcações ou portos. Este trabalho foi realizado com o intuito de apresentar a proposta de possíveis melhorias na parte logística da área portuária e industrial, trazendo a possibilidade da automação mecânica para auxiliar no transporte de material em determinadas áreas. Para isso, desenvolveu-se um protótipo construído com a utilização de membros feitos com placas acrílicas, servo motores, botões e uma placa gogo board. Os servo motores estão distribuídos nas articulações do braço na base da estrutura para a o movimento…

Ver o post original 39 mais palavras

O que é Androide?


Peixe Babel

Muitas obras da ficção apresentam as mais diferentes formas de robôs, uma delas (e talvez a mais popular) é o Androide! Desde o século passado, as mentes criativas sonhavam com essa tecnologia, e hoje ela não é mais exclusividade da ficção. Mas será que você consegue diferenciar os Androides dos outros robôs?

Ver o post original

Pensamentos organizados em vetores podem revolucionar a Inteligência artificial


Inteligência Artificial Pensamentos organizados em vetores podem revolucionar a Inteligência artificial

Apesar de todo o tumulto recente sobre inteligência artificial, em parte alimentada por terríveis previsões feitas pelos gostos de Stephen Hawking e Elon Musk, houve poucos avanços nesse campo para justificar tal alarde. As redes neurais artificiais que têm causado tanta controvérsia são um produto dos anos 1950 e 60, e permanece relativamente inalterado desde então. Avanços foram feitos em áreas como o reconhecimento de voz devem muito para os conjuntos de dados melhorados, e hardware mais rápido do que a mudanças reais na metodologia de IA. Os problemas mais espinhosos, como computadores de ensino para fazer o processamento de linguagem natural e saltos de lógica permanecem quase tão intratável agora como eram há uma década.

Isso tudo pode estar prestes a mudar. Na semana passada, o sumo sacerdote britânico de inteligência artificial professor Geoffrey Hinton, que foi contratado pela Google há dois anos durante sua…

Ver o post original 440 mais palavras

O Desafio de $2 Mihões de Dólares


Peixe Babel

Você conhece o Darpa Robotics Challenge? De todas os challenges que você já viu, esse aqui vai mudar sua vida (literalmente!), e ainda de quebra alguém sai ganhando a pechincha de 2 milhões de dólares.

The Robotics Challenge: http://theroboticschallenge.org/


Ver o post original 3 mais palavras

RFID: Conte seu estoque em 5 minutos, e muito mais opcoes…


Varejo e Consultoria

Há alguns anos atrás falava-se muito em RFID, do inglês, Radio Frequency Identification, ou em Identificação por Radio-frequência, aquelas famosas etiquetas “inteligentes”, que iriam revolucionar o varejo e a indústria.

O objetivo deste post não é ser um artigo técnico, mas puramente business.

Passados alguns anos, nada de muito concreto aconteceu, e muitos deram por morta esta tecnologia – aqui pelo Brasil, principalmente pelos custos abusivos que até então estavam envolvidos. Mas, as coisas mudaram.

Como praticamente em tudo de tecnologia, os custos despencaram. E, uma nova onda de utilização de sistemas baseados em aplicações com RFID vem surgindo, principalmente no mercado varejista.

É claro, que logo que falamos em RFID, vem a idéia do supermercado, onde todos os itens estão taggeados (com etiqueta) e que ao chegar no checkout, não precisamos tirar tudo do carrinho, e passar um a um na “pistolinha”, e depois por tudo no carrinho de…

Ver o post original 472 mais palavras

Manutenção em servo motor


Planeta Industrial

O Servo Motor é utilizado para ajudar na movimentação de sistemas mecânicos e no trabalho correto de comandos em muitas aplicações industriais.

Para uma excelente manutenção em servo motor, é necessário conhecer o equipamento e o fabricante antes, pois cada aparelho possui características específicas que precisam ser respeitadas.

Quando o servo motor apontar falhas, envie para a manutenção. A Sercos é uma escolha excelente pois oferece os engenheiros mais especializados do mercado.

A empresa considerará a peculiaridade do equipamento durante todo o processo de reparo. Fique tranquilo pois antes do envio do equipamento, a Sercos realiza testes atneciosos para garantir o alto desempenho e eficiência do servo motor.

Manutenção em servo motor

Ver o post original

Reparo de servo motor


Planeta Industrial

Quem trabalha com equipamentos que utilizam Servo Motor, conhece o estresse em contratar uma empresa terceirizada de confiança para realizar seus reparos quando for necessário.

Ter um profissional especializado disponível para o trabalho também pode gerar altos custos, se tornando algo inviável para algumas empresas.

Há diversas empresas que acreditam que o reparo de servo motor é um serviço extremamente complicado, por isso atenha-se em escolher cautelosamente por uma empresa que seja capacitada para faze-lo, para não haver mais problemas e prejuízos.

Esse reparo necessita de um amplo conhecimento, seja de peças ou fabricantes. Além disso, conheça um modo de realizar o reparo rapidamente, pois na maioria das vezes, ter um equipamento parado pode comprometer integralmente a alta qualidade do serviço prestado pela empresa.

Reparo de servo motor

Ver o post original

Começando : O que é Arduino , Shield ?


mechbots

Arduino-uno-perspective-transparent

Arduino é uma placa controladora open source hardware, em outras palavras uma placa para dar vida em seus projetos de fácil programação e utilização. Sua utilização vai desde projetos básicos de acender um LED até a criação de robôs.

Os shields são extensões para o arduino podendo ter diversas funções: funcionar como protoboard, se comunicar com um computador, se comunicar por wifi e etc.

Ver o post original

Desenvolvimento de Exoesqueleto Robótico na Poli-USP


Um Pouco Mais Sobre o Chappie


Peixe Babel

Agora que consegui arrumar as ideias, fiz um vídeo tratando dos assuntos mais relevantes trazidos pelo filme Chappie, desde robôs emotivos até outros temas carregados de spoilers. Então se você já viu o filme, ou não se importa de ouvir spoilers, dá uma conferida no vídeo!

Ver o post original

Prefeito do recife contrata empresa (Edacom) que já foi condenada na justiça.


Ontem revelamos que o prefeito Geraldo Júlio, por intermédio de sua secretaria de Educação, contratou a empresa EDACOM para fornecer brinquedos pedagógicos da marca “LEGO”, para a Rede Municipal de Ensino e que esse contrato chega a R$ 25,9 milhões, dos quais R$ 6,7 milhões já teriam sido desembolsados, segundo empenhos disponíveis no Portal da Transparência da Prefeitura.

Um vídeo veiculado pela repetidora da Rede Globo, no Rio Grande do Sul e reproduzido aqui no Blog, mostrou o oferecimento de propina por parte de um representante da EDACON, para que seus produtos fossem adquiridos por prefeituras. Várias denúncias de contratações irregulares da EDACON, já estão sendo investigadas e sendo alvo de ações civis públicas por parte do Ministério Público em diferentes estados da Federação, inclusive com condenações já registradas.

Nosso Blog teve acesso a decisão proferida pela Justiça paulista, condenando o ex-prefeito de Jaú, Osvaldo Franceschi e o ex-secretário de Educação daquele Município, Carlos de Campos Prado Junior por improbidade administrativa na contratação da EDACON, sem licitação e para o fornecimento dos mesmos produtos que essa empresa vem fornecendo à Prefeitura do Recife, também sem licitação. Na decisão, proladata nos autos do processo nº 0003965-70.2011.6.0302, o ex-prefeito e seu secretário, além da condenação de ressarcimento ao Erário, também teve seus direitos políticos suspensos por 5 (cinco) anos por não respeitar os princípios constitucionais da legalidade e da impessoalidade.

Fonte: clique aqui

EU, ROBÔ


Vida, Reflexão e Inteligência Artificial

Uma das capas do livro Eu, robô. Todos os direitos reservado aos seus autores. Imagem retirada do Google. Uma das capas do livro Eu, robô. Todos os direitos reservado aos seus autores. Imagem retirada do Google.

Livro indispensável para quem quer entender os princípios da robótica. Este clássico da ficção científica foi escrito pelo russo Isaac Asimov em 1950 que criou as três leis da robótica:

• 1ª Lei: Um robô não pode ferir um ser humano ou, por inação, permitir que um ser humano sofra algum mal.

• 2ª Lei: Um robô deve obedecer às ordens que lhe sejam dadas por seres humanos exceto nos casos em que tais ordens entrem em conflito com a Primeira Lei.

• 3ª Lei: Um robô deve proteger sua própria existência desde que tal proteção não entre em conflito com a Primeira ou Segunda Lei.

O livro narrativo tem cerca de 260 paginas e começa contando a história de Robbie, um robô doméstico, até a dominação mundial dos robôs ao longo…

Ver o post original 103 mais palavras

Programação Ladder RSlogix 500 – Parte 1


Carro elétrico é construído com impressão 3D


Segurança em trânsito

Strati é fabricado em 44 horas e deve custar entre US$ 18 mil e US$ 30 mil

Strati

Ecologicamente corretos, menos poluentes, mais silenciosos, os carros elétricos têm ganhado melhoramentos e devem conquistar aos poucos mais espaço nas ruas. Até aqui, nenhuma novidade. Mas uma montadora surpreende na apresentação de um carro elétrico pela forma de criação nada convencional. Isso porque, o carro é impresso em 3D.

O material utilizado para impressão é semelhante ao empregado na fabricação das peças Lego. O carro está em apresentação no Salão de Detroit, que vai de 12 a 25 de janeiro. Mas, no final do ano passado, já havia marcado presença em uma feira de tecnologia, também nos Estados Unidos.

Ostrati4carro impresso foi batizado de Strati (que significa “camadas”, em italiano), uma alusão a sua forma de construção – por sobreposição de camadas de acrilonitrila butadieno estireno (ABS, sigla em inglês) e reforçadas…

Ver o post original 190 mais palavras

Programando um mini braço/perna robótico com 3 servos


Mec Bots

Olá leitor, aqui vai um post quentinho para ressuscitar a página!

Hexapods.

Hexapod da lynxmotion

A um certo tempo tenho um fascínio com essa categoria de robôs andadores. Além da aparência muito interessante por lembrar artrópodes, os conhecimentos necessários para construir um bicho desses estão ao alcance de um estudante de engenharia ou um hobbysta apaixonado.

Ver o post original 110 mais palavras

Sepios da ETH Zurich


sepios-1419935157964Sem dúvida quem está envolvido na área de informática tem no mínimo uma leve curiosidade no universo robótico. Há algum tempo atrás vimos um robô com quatro barbatanas ortogonais chamado Sepios. Fazendo um pesquisa no no Google, encontramos um site sobre ele, juntamente com um vídeo muito legal em que exibe o robô nadando no oceano.

Ver o post original 188 mais palavras

A “guarda do apito” robótica


Observatório

K5-Escalator

Se em 2020 teremos entre 50 bilhões e 200 bilhões de coisas inteligentes conectadas à internet, é estimado que 30 bilhões deles serão robôs. Drones, máquinas agrícolas e outros tipos de eletrônicos complexos e móveis começarão a ser figuras comuns no nosso dia a dia. Uma startup americana acredita que essas máquinas autônomas podem, muito bem, substituir aqueles guardas que apitam a noite toda para afugentar invasores.

Desde 2013 a Knightscope vem produzindo o K5, um robozinho que opera como segurança patrimonial, patrulha e guarda de perímetro. Em forma de cone e quase da altura de um humano, ele conta com quatro câmeras HD omnidirecionais, sensores de temperatura, pressão e composição do ar, GPS, WiFi e é capaz de se mover pelo ambiente sem esbarrar ou derrubar obstáculos. O robô já está sendo empregado na sede da Microsoft e em outras companhias do Vale do Silício.

Apesar de não estar armado, o K5…

Ver o post original 73 mais palavras

SPRK – escolas, pais, robôs e crianças


A Inteligência Artificial e seus possíveis efeitos na sociedade


The Newspeak Blog

A fascinação pela tecnologia e seus avanços deixam qualquer um impressionado e louco para consumir cada vez mais essas novas tecnologias. Essa é uma tendência natural, afinal essas tecnologias realmente foram feitas para facilitar a nossa vida; e quem seria louco de negar, por exemplo, uma impressora móvel?

Consequentemente a tendência é sempre inventar algo novo. E essa evolução nos levará até a Inteligência artificial. Provavelmente, muito em breve, estaremos cercados por robôs que farão as entregas, recolherão o lixo, cuidarão da segurança, ensinarão e nos ajudarão a fazer pesquisas e entre outras coisas.

Qual é o lado bom disso? Tudo será mais fácil. Pesquisas científicas e tecnológicas podem muito bem avançar em uma velocidade extraordinária. Podemos apenas imaginar as possibilidades.

Mas ao mesmo tempo acho que sempre é valida a insegurança em relação a isso. Afinal, além de essa “contratação” de robôs para exercerem atividades que o ser…

Ver o post original 81 mais palavras

Investimento em startups de robótica aumenta 600% em três anos nos EUA


Observatório

Robotic-Truck

Se a tendência crescente de investimentos no setor nos Estados Unidos significa alguma coisa (e sabemos que significa muito), esse é um ótimo momento para se ter uma startup na área de robótica. Segundo um estudo da consultoria PriceWaterhouseCoopers, o investimento de venture capitals nessas empresas aumento quase 600% entre os anos de 2010 e 2013: passou de US$ 30 milhões para US$ 172 milhões.

A razão é a busca cada vez maior por automação industrial e a diversificação das indústrias que utilizam robôs em seus processos de fabricação. Segundo a consultoria, 59% das empresas de manufatura americanas usam robôs. Mais: o número de robôs embarcados para revenda chegou a 180 mil unidades no ano passado e previsão é que esse volume passe das 200 mil unidades ainda esse ano. Um mercado que, segundo a Allied Market Research chegará a US$ 41 bilhões em 2020.

Graphic

Tudo bem, 70% desse mercado é…

Ver o post original 150 mais palavras

Programação Ladder do Captapluvi


Repositório da Automação

         Neste post será abordada uma parte da programação do sistema de controle do projeto Captapluvi, que é baseado em controladores lógicos programáveis (ou CLP).  A programação é feita em Ladder e, apesar do CLP usado nesse projeto ser o modelo Piccolo, da empresa Altus, a ferramenta com a qual ele é programado (Mastertool XE) não permite simulação. Para facilitar o desenvolvimento mesmo longe do protótipo, foi então usado o MasterTool IEC, que é a ferramenta de programação dos CLPs da série Duo, também da Altus, uma vez que é possível simular um CLP em funcionamento.

         A linguagem Ladder é baseada em diagramas de contatos elétricos, no qual as funções lógicas do sistema são representadas por contatos (elementos de entradas) e bobinas (componentes de saída), que podem ter apenas dois estados: 0 ou 1. A Figura 1 mostra o…

Ver o post original 332 mais palavras

Automação a Nova Era


BAIEMERSON

Automação Industrial

A parte mais visível da automação, atualmente, está ligada à robótica, mas também é utilizada nas indústrias química, petroquímicas e farmacêuticas, com o uso de transmissores de pressão, vazão, temperatura e outras variáveis necessárias para um SDCD (Sistema Digital de Controle Distribuido) ou CLP (Controlador Lógico Programável). A Automação industrial visa, principalmente, a produtividade, qualidade e segurança em um processo. Em um sistema típico toda a informação dos sensores é concentrada em um controlador programável o qual de acordo com o programa em memória define o estado dos atuadores. Atualmente, com o advento de instrumentação de campo inteligente, funções executados no controlador programável tem uma tendência de serem migradas para estes instrumentos de campo. A automação industrial possui vários barramentos de campo ( mais de 10, incluindo vários protocolos como: CAN OPEN, INTERBUS-S, FOUNDATION FIELDBUS, MODBUS, STD 32, SSI, PROFIBUS, DEVICENET etc) específicos para a área industrial (em tese estes…

Ver o post original 206 mais palavras

Chappie – Trailer Legendado


Ex Machina (2015) – Trailer HD Legendado


Exoesqueleto dá força sobre-humana a trabalhadores


Operário biomecatrônico

Os trabalhadores que vão construir um dos maiores navios do mundo vão contar com a ajuda de exoesqueletos robóticos que os permitirão carregar peças de até 100 quilogramas (kg) como se elas não pesassem nada.

O exoesqueleto se encaixa em qualquer pessoa entre 1,60 e 1,85 metro de altura.

Os trabalhadores não sentem o peso da armação de 28 kg de fibra de carbono, ligas de alumínio e aço, uma vez que a estrutura se autossustenta e foi projetada para seguir os movimentos do trabalhador por meio de sensores.

As baterias dão ao exoesqueleto uma autonomia de 3 horas.

Quadros especiais projetados para tarefas específicas podem ser anexados à mochila, algumas passando sobre a cabeça ou os ombros do trabalhador, como no caso do pequeno guindaste mostrado na imagem.

Além de aumentar a capacidade de elevação de carga, o traje robótico ajuda os trabalhadores a manipular componentes pesados com precisão, já que as manobras são feitas como se eles estivessem manuseando um objeto virtualmente sem peso.

Super Operário

No estaleiro, que está sendo montado na Coreia do Sul, alguns trabalhadores já podem ser vistos vestidos com a roupa robótica, que está em fase final de testes, conduzidos pela Daewoo Shipbuilding and Marine Engineering.

A empresa, um dos maiores construtores navais do mundo, afirma querer dar um salto tecnológico na sua linha de produção dando uma “força sobre-humana” aos seus trabalhadores.

A equipe está trabalhando para melhorar os protótipos para que eles possam entrar em uso regular no estaleiro, onde robôs industriais já executam uma grande parte de um sistema de montagem que é extremamente complexo.

Gilwhoan Chu, engenheiro-chefe do projeto, afirma que o teste piloto mostrou que o exoesqueleto de fato ajuda os trabalhadores a executar suas tarefas – o protótipo só podia levantar 30 kg.

Fonte: clique aqui

Robô C2D2 anda pelo teto em busca de corrosão


Este é o C2D2, um robô capaz de subir pelas paredes e andar pelo teto em busca de sinais de corrosão em estruturas metálicas industriais e na construção civil.

O nome, de clara inspiração na ficção, é uma sigla para Climbing Corrosion Detecting Device, dispositivo escalador para detecção de corrosão, em tradução livre.

O movimento do robô é baseado na tecnologia Vortex, na qual uma hélice especial é acoplada à parte inferior do robô.

A hélice gira com rapidez suficiente para que uma ventosa móvel mantenha o robô nas paredes ou no teto, onde então ele pode usar normalmente as rodas para se locomover ao longo dessas superfícies.

O sensor de detector de corrosão é formado por um eletrodo localizado na parte inferior do C2D2, que mede a diferença de potencial ao longo da superfície conforme o robô anda pela estrutura.

Neste estágio, o robô é guiado por controle remoto ou por meio de um computador.

A equipe agora pretende dar autonomia ao C2D2, com capacidade para detectar e evitar obstáculos, e um sistema de navegação que permita que ele faça sozinho a varredura de toda uma área, sem exigir que o operador fique olhando para cima o tempo todo.

Fonte: clique aqui

Frota de robôs marinhos parte para teste real


O Centro Nacional de Oceanografia do Reino Unido está iniciando uma campanha inédita de observação marítima.

Embora já existam robôs submarinos monitorando todos os oceanos da Terra, eles ainda são poucos para dar ao mar a atenção que ele merece.

A entidade montou então uma frota de robôs marinhos não-tripulados que partirão para uma missão de mapeamento de uma área de 500 km no Atlântico Norte.

O objetivo é testar novas tecnologias, aferir a resistência e a capacidade de cada robô e, aproveitando o ensejo, mapear a vida marinha em uma região pesqueira.

Existem robôs submarinos dos mais diversos tipos, alguns com olhos de laser, outros movidos pela variação de temperatura do oceano e até um modelo com um sistema sensorial inspirado em peixes cegos.

Mas o monitoramento ambiental tem suas próprias exigências, sobretudo a necessidade de operação por longos períodos de forma autônoma, o que exige a autogeração de energia ou o aproveitamento do movimento natural do mar.

O projeto vai testar quatro modelos desenvolvidos com esses objetivos em mente.

Fonte: clique aqui

Soft Robots


Sabiam que a solução para o fim dos acidentes no trânsito já existe?


O TJ julgou ilegal a dispensa de licitação no ‘Projeto Lego’


Uma decisão do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), assinada recentemente pelo desembargador Aloísio de Toledo César (relator do processo), informa que a ‘dispensa de licitação’ no caso do ‘Sucatão do Xinha’ é improcedente. O famigerado ônibus, da empresa Edacom Tecnologia em Sistema de Informática Ltda., foi contratado em 2005 para promover a educação de trânsito para os alunos da Rede Municipal de Ensino de Vinhedo, mas o contrato entre a companhia e a atual Gestão da cidade foi considerado irregular. O TJ julgou ilegal a dispensa de licitação no ‘Projeto Lego’ e revelou também que ‘a existência de dano aos cofres públicos está claramente presumida pela não-realização de licitação, com a contratação de uma empresa que não é única nem singular’.
O processo do ‘Sucatão’ está na Justiça e envolve como réus o prefeito Kalu Donato e os ex-secretários Silvia Donato – esposa do chefe do Executivo vinhedense e que comandou a pasta da Administração – e Élsio Boccaletto, o popular ‘Xinha’ (Transporte e Segurança). O suposto prejuízo do acordo é de quase R$ 1 milhão. Além de Aloísio, relator do caso, os desembargadores Pedro Gagliardi e Roberto Mortari, da 15ª Câmara Criminal do TJSP, rejeitaram por unanimidade os embargos apresentados pelo advogado de Kalu. O Tribunal de Contas do Estado (TCE) dispôs que há sim outras empresas com tecnologia e condições de oferecer os mesmos serviços prestados pela Edacom. A alegação dos governantes de nosso município de que não existem outras companhias com as condições necessárias para a educação de trânsito conflita com o que foi dito nas fls. 426 do acórdão (decisão) que a Folha teve acesso: “Breve pesquisa efetuada pela Internet aponta que a montadora Volvo é detentora desde 2001 do programa de segurança de trânsito intitulado ‘Transitando’, que em 2002 já era empregado em mais de 100 escolas no Brasil. Também atuam no ramo a empresa Tecnodata Educacional, com o projeto ‘Educando Crianças no Trânsito’, e o Grupo DPaschoal, com a campanha ‘Educar DPaschoal’. O leitor que tire as suas próprias conclusões. Detalhe: estes serviços são gratuitos e não são ‘obras de ficção’.

Fonte: Clique aqui

Contratos da Edacom com prefeituras do Interior e da Região Metropolitana foram considerados irregulares pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado)


A Edacom Tecnologia em Sistemas de Informática Ltda afirmou ter procurado agentes públicos para vender o programa educacional Lego Zoom, que resultou na assinatura de dois contratos sem licitação no total de R$ 8 milhões (R$ 4 milhões cada). A empresa, no entanto, se recusou a revelar o nome dos servidores que participaram da negociação e sugeriu que o Diário requisitasse a informação por meio de telefone geral da Secretaria de Comunicação do município.

O contato com a Prefeitura foi feito diretamente por funcionários da Edacom, que pertence à Zoom Brasil, representante da Lego Education no País. “A companhia tem equipe de vendas interna e visita tanto clientes públicos quanto privados, em todo o Brasil, e em especial no município de São Caetano, sede da empresa há 18 anos”, informou.

Contratos da Edacom com prefeituras do Interior e da Região Metropolitana foram considerados irregulares pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) e, inclusive, renderam multas aos gestores públicos que firmaram o acordo. Em quatro situações, a Corte entendeu que dispensa de licitação não foi válida, pois o produto oferecido pela empresa não é exclusivo como a terceirizada alega. A exclusividade, no caso, é a representação da marca Lego, sediada na Dinamarca, mas a metodologia lúdica é oferecida por outros fornecedores – o que, segundo o TCE, baratearia os custos.

A empresa disse ter seguido exemplo de acordos com outros municípios, respeitando a Lei de Licitações, e garantiu não “temer qualquer apontamento de irregularidade” pelo TCE no convênio com São Caetano. “Se necessário, tudo o que ampara a contratação da empresa por inexigibilidade de licitação será fartamente comprovado pela empresa ou município contratante”, disse. O contrato com São Caetano já passa por auditoria do TCE.

Fonte: Clique aqui

Representante de empresa paulista (LEGO) oferece propina em troca de contratos com prefeituras gaúchas


Achamos muito estranha a forma da contratação, o valor e a velocidade que foi dada para isso. E por conta disso, nós suspendemos esse contrato e vamos buscar judicialmente a devolução desses recursos ao município — declarou o prefeito de Sapucaia do Sul, Vilmar Balin.

Os brinquedos pedagógicos foram comprados da empresa paulista Edacom, que representa a marca Lego no Brasil. O sistema, inexigibilidade, dispensa a concorrência com outras empresas. O argumento usado foi de que é de que o projeto é único, sem similar no Brasil.

A prefeitura de Alvorada, na Grande Porto Alegre, investiu em 2005, R$ 1,5 milhão em projeto semelhante e também dispensou a licitação. A compra está sendo questionada pelo Ministério Público, que ajuizou ação de improbidade administrativa. A promotora pede o afastamento e a perda dos direitos políticos do prefeito e da secretária de Educação.

— Eu entendi que houve uma má gestão do dinheiro público, aplicada de uma forma desarraizada, R$ 1,5 milhão em Lego, ao mesmo tempo em que faltam vagas nas escolas, faltam professores, falta material de trabalho. É uma gestão inadequada do dinheiro público em relação à questão educacional — diz a promotora Roxele Jelinek.

Para ler a reportagem completa clique aqui.

AUTOMATA-FILME


AUTO

 

http://megafilmeshd.net/automata/

CARRINHO DE CONTROLE REMOTO COM ARDUINO E PS3


E N V O Y